arte5


10/02/2017 - Senar/MS promove encontro para tutores do curso técnico da Rede e-Tec

Primeira capacitação de nível médio da instituição é semipresencial, com 1.230 horas/aula

Reunião Tutores REDE E-TEC (3)

Troca de experiência e capacitação atualizada. Assim foi a 1ª Capacitação de tutores presenciais e coordenadores dos cinco polos de apoio, que compõem o curso Técnico em Agronegócio, do Senar/MS – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural. O objetivo do encontro, realizado nos dias 09 e 10 deste mês, na sede do Sistema Famasul – Federação da Agricultura e Pecuária de MS, foi realizar a troca de experiências para cerca de 50 profissionais que atuarão na capacitação e alinhar as ações para o início do ano letivo, marcado para 11 de março.

O primeiro curso de nível médio do Senar/MS desenvolvida em parceria com o programa Rede e-Tec, do Ministério da Educação é semipresencial, com 1.230 horas/aula - sendo 80% à distância e 20% nos encontros presenciais - e visa a formação de profissionais para atuar na gestão de empresas rurais e agroindústrias. Atualmente, Mato Grosso do Sul registra 600 alunos matriculados em unidades de apoio localizadas nos sindicatos rurais dos seguintes municípios: Aparecida do Taboado, Campo Grande, Coxim, Dourados e Maracaju e formou a primeira turma em dezembro de 2016.

De aluno a professor - Administrador, contabilista, mestre em produção pecuária e gestão agroindustrial, Odair José Mombach conheceu o curso Técnico em Agronegócio da Rede e-Tec, idealizado pelo SENAR – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, na segunda edição do processo seletivo por ocasião da abertura do polo presencial em Coxim.  Ele conta que cursou durante dois semestres a qualificação, mas, precisou interromper em razão de compromissos profissionais. “Sou professor universitário há 10 anos e resolvi ingressar no curso do Senar/MS por ser produtor rural. Meu objetivo era ter mais conhecimentos sobre a gestão da propriedade em uma área que gosto muito”, relata.

Mombach explica que o interesse pelo setor agropecuário foi determinante para participar do processo seletivo como tutor presencial. “Acredito que posso contribuir com minha formação em administração e contabilidade. Os profissionais técnicos em agronegócio vão atender uma demanda do mercado, não só nas empresas como também entre os produtores que carecem de orientação para aperfeiçoar suas atividades”, acrescenta.

A equipe da Rede e-Tec recebeu outro importante reforço, o advogado Daniel Massarolo Mariano, que atuará na disciplina de Legislação Agrária e Ambiental.  “Atuo na docência universitária há seis anos e a iniciativa do Senar/MS chamou minha atenção por proporcionar aos produtores uma alternativa de ter acesso a conhecimentos jurídicos que são desconhecidos pela maioria da população. Costumo dizer que é melhor agir preventivamente, então os profissionais que souberem como proceder com relação a questões de legislação evitarão retrabalho e gastos adicionais”, pontua.

Sobre o curso técnico, Mariano complementa: “É um projeto de extrema importância para todo território nacional, visto que atenderá o setor, cada vez mais exigente por inovações tecnológicas em todas as etapas da cadeia produtiva”.

Cronograma de atividades – A coordenadora pedagógica da Rede e-Tec do Senar/MS, Daniela Neli da Silveira Oliveira, reforça que o próximo encontro do grupo acontecerá em maio, quando será promovida uma formação metodológica para capacitar os tutores que atuarão na orientação dos projetos finais do curso técnico em agronegócio. “Vamos preparar um treinamento específico para os tutores responsáveis pela disciplina Tópicos Especiais, que auxiliará os alunos na elaboração do TCC – Trabalho de Conclusão de Curso, visto que a segunda turma deve concluir o curso em julho deste ano”, argumenta.

A quarta edição do processo seletivo para o Curso Técnico em Agronegócio está com inscrições abertas para agendamento de provas, até 13 de fevereiro. Nos polos de Campo Grande, Dourados e Maracaju as vagas estão esgotadas, mas ainda existem oportunidades para realizar as provas em Coxim e Aparecida do Taboado.  


Fonte: Assessoria de Imprensa Sistema Famasul - Aline Oliveira




Todos os direitos reservados - Famasul 2012 Gestão Ativa - Soluções em Web